Indicadores de Desempenho Logístico: saiba quais sua empresa deve acompanhar!

08/12/2020 Imagem destaque

Você sabe a importância de definir Indicadores de Desempenho Logístico para a sua empresa? Se não, já adiantamos que se trata de uma estratégia poderosa para o controle de processos, mensuração de metas e direcionamento mais assertivo de tarefas.

Também chamados de KPIs, os Indicadores de Desempenho podem ser uma ferramenta valiosa na gestão do setor logístico, basta saber escolher os indicadores certos para o seu negócio.

E foi justamente pensando nisso, que preparamos este conteúdo. Continue a leitura e desvende quais Indicadores de Desempenho a sua empresa precisa acompanhar para otimizar os processos e deixar a logística mais eficaz!

O que são os Indicadores de Desempenho Logístico?

Basicamente, os Indicadores de Desempenho – ou KPIs, sigla para o termo em inglês Key Performance Indicator, que significa Indicador-chave de Desempenho – são uma ferramenta de gestão e servem para mensurar os resultados de processos.

São diversos tipos de KPI’s, logo, existem alguns fundamentais para serem considerados no ramo logístico, a fim de acompanhar o nível de eficiência deste setor. 

Deste modo, o responsável pelo gerenciamento logístico conseguirá, através da mensuração de indicadores, informações mais precisas, para desenvolver ações mais inteligentes e eficazes.

Importância de definir Indicadores de Desempenho no setor de logística

No setor de logística, é importante mensurar Indicadores de Desempenho para, dentre outras coisas, padronizar processos, melhorar a qualidade e prazo de entregas, assim como no atendimento e cumprimento das metas.

Ou seja, definir KPIs é como ter um termômetro que mede a saúde, neste caso, do setor de logística da empresa, avaliando o nível de qualidade e assertividade de certas atividades. 

Neste contexto, e considerando que a logística impacta vários outros setores e processos na organização, fica claro o quão importante é tê-la sob controle e otimizada.

Principais Indicadores de Desempenho Logístico para acompanhar na sua empresa

Entrega dentro do prazo e redução de custos, são alguns dos principais gargalos nos processos logísticos das empresas atualmente. Quando se fala em Indicadores de Desempenho Logístico, estes são pontos bastante considerados, dentre outros essenciais para o bom funcionamento do setor e qualidade das atividades.

Com isso, separamos alguns dos principais KPIs logísticos que devem ser acompanhados na sua empresa. Confira abaixo!

Nível de qualidade das entregas

Medir o desempenho dos prazos de entregas é fundamental, uma vez que por meio dele, a empresa conseguirá identificar os principais problemas com certas entregas e assim criar ações para solucionar e/ou prevenir falhas e atrasos.

Para este Indicador de Desempenho Logístico, é interessante considerar:

  • Número total de transportes realizados;
  • Quantidade de produtos que chegaram ao destino dentro do prazo;
  • Quantidade de produtos que tiveram atrasos.

Com essas informações em mãos, fica mais fácil identificar gargalos e saber em quais regiões o desafio é maior, podendo estudar assim, até mesmo a possibilidade de novos centros de distribuição, por exemplo.

Uma dica para mensurar este KPI logístico, e ter uma média de como estão os processos, é com o cálculo:

Entregas dentro do prazo / total de entregas * 100

O recomendado, é ter resultado com porcentagem superior a 90%.

Custo do setor logístico para a empresa

É inteligente mensurar este Indicador de Desempenho Logístico, a fim de entender qual o custo que este setor tem para a organização. Ou seja, trata-se de analisar despesas, separar gastos por atividades e identificar estratégias para reduzir os custos.

Para acompanhar este KPI, é preciso ficar sempre de olho em 3 principais fatores: despesas causadas por trocas ou devoluções; custo do frete para fazer as entregas; desperdício de mercadorias (em caso de avarias com os produtos, por exemplo).

Tempo do ciclo de vida do produto

Você sabe qual a média de tempo que o seu cliente fica aguardando o pedido? Saiba que este é um fator fundamental, uma vez que o tempo de espera do cliente, é definido pelo tempo em que a empresa leva para efetuar os devidos processos, que vão desde o momento da compra, até a entrega da mercadoria.

Ao acompanhar este Indicador de Desempenho Logístico, você poderá identificar quais os erros e problemas no processo, para em seguida, desenvolver ações reais para reduzir esse tempo. 

Alinhado a isso, você consegue passar prazos mais precisos, evitando problemas em lidar com cliente que teve a mercadoria entregue fora do prazo

Itens perdidos e extraviados

Perdas e extravios são, infelizmente, um dos problemas mais comuns na logística, tanto que este é um ponto chave no KPI de custo do setor, como já vimos anteriormente. Não por menos, é necessário mensurá-lo separadamente, a fim de entender quais ações podem ser tomadas para evitar este cenário.

Perdas e extravios são comuns na hora de movimentar caixas no armazém – sem o preparo certo para carga frágil, por exemplo; erros e problemas com a temperatura durante o armazenamento de um produto perecível é outro motivo para este gargalo e claro, o extravio durante o transporte.

Sendo assim, é importante identificar como tais processos são feitos na sua empresa. Só assim, será possível entender onde estão os erros, e tomar medidas corretivas eficazes.

Com isso, entende-se que este seja um dos KPIs mais importantes para o setor logístico, já que ele permite um monitoramento e análise mais precisos em relação às perdas, e em seguida, de ações para diminuir tais situações.

Acuracidade de estoque

É mais simples do que o nome representa. Basicamente, este KPI possibilita identificar uma média de exatidão entre os números do estoque em relação às mercadorias que ainda estão no armazém. 

De acordo com o site Delage, significa ter informações exatas sobre os produtos estocados, ou seja, ter uma equivalência entre o que está registrado no sistema e o que realmente consta no armazém físico. 

Neste cenário, o objetivo deste Indicador de Desempenho Logístico é identificar possíveis divergências neste processo e corrigi-las para evitar a falta de material para produção, por exemplo.

Custos com transporte

Dentre os KPIs, os custos com transporte se destacam como um dos principais. Ele calcula todas as despesas envolvidas do início ao fim no processamento de um pedido.

Para melhor mensurá-lo, é interessante organizar em categorias:

  • Administrativo;
  • Estoque;
  • Processamento de pedidos;
  • Armazenamento;
  • Custos efetivos de transporte.

Com esses dados em mãos, é possível avaliar se a porcentagem que cada etapa do processo apresenta é adequada ou excessiva.

Benefícios que seu negócio pode ter ao acompanhar KPIs

Considerando tudo o que vimos neste conteúdo, é interessante estruturar de forma visual, quais os principais benefícios de acompanhar Indicadores de Desempenho Logístico, segundo o Siteware:

  • Identificação de gargalos na qualidade;
  • Redução de custos;
  • Maior produtividade;
  • Tomadas de decisão bem fundamentadas e mais assertivas;
  • Aumento da segurança;
  • Maior satisfação do consumidor final;
  • Aumento da capacidade de atendimento.

E então?

Neste conteúdo você pode conferir quais os principais Indicadores de Desempenho Logístico devem ser acompanhados na sua empresa, com o objetivo de melhorar a saúde financeira e atendimento ao cliente, através da melhoria contínua dos processos.

Esperamos que este conteúdo possa te ajudar a estruturar e controlar com maior precisão as atividades no setor logístico do seu negócio. Caso tenha ficado alguma dúvida, ou queira saber como podemos ajudar com qualidade e segurança nas operações logísticas do seu negócio, clique abaixo e solicite um orçamento sem compromisso!

Solicite uma cotação

COMUNICADO

Estamos com problemas na linha telefônica da filial de Porto Alegre.

Contato através do numero (51) 99790-1513.


Agradecemos a compreensão.